quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008

Miomectomia

A miomectomia é o tratamento conservador dos miomas uterinos mais antigo que existe. A miomectomia consiste na retirada cirúrgica dos miomas uterinos com preservação do útero. Dentre todos os métodos conservadores, a miomectomia é o mais estudado, sendo também alvo de inúmeros estudos comparativos entre os mais diversos tratamentos para os miomas.
Atualmente existem três maneiras de se realizar a miomectomia: por laparotomia, por laparoscopia e por videohisteroscopia. Por décadas a miomectomia por laparotomia, ou seja, através da abertura cirúrgica da parede abdominal, reinou como sendo a única opção no tratamento conservador dos miomas uterinos. Com a evolução da medicina e o surgimento da videoendoscopia, novas técnicas de miomectomia surgiram com a promessa de substituir a técnica por laparotomia. A laparoscopia e a videohisteroscopia surgiram quase que simultâneas na década de 80, e apresentam constante evolução, principalmente nos equipamentos e nos materiais, até os dias atuais.
A miomectomia por laparoscopia é realizada através de 3 ou 4 pequenas incisões menores que 01 centímetro na parede abdominal. A laparoscopia geralmente é indicada para miomas em pequeno número, não muito volumosos e preferencialmente intramurais, subserosos e pediculados. No entanto, dependendo da sofisticação dos equipamentos e materiais utilizados e da habilidade e experiência da equipe cirúrgica, as indicações poderão ser ampliadas, possibilitando um tratamento minimamente invasivo para o maior número de casos possível. A abordagem laparoscópica também é preferida quando existem outras doenças concomitantes, como cistos ovarianos, endometriose pélvica e comprometimento das trompas uterinas.
A miomectomia por videohisteroscopia é indicada exclusivamente para os miomas submucosos. Para indicar este procedimento, sempre preconizamos a investigação prévia da cavidade uterina através da videohisteroscopia diagnóstica. Com isso, estabelecemos um diagnóstico mais preciso, proporcionando a análise da viabilidade e da dificuldade da miomectomia por videohisteroscopia. A videohisteroscopia cirúrgica, assim como a videohisteroscopia diagnóstica, é realizada por via vaginal, com acesso à cavidade uterina através da introdução do histeroscópio no canal do colo uterino. Na cirurgia videohisteroscópica realizamos cortes, coagulações e retirada de lesões intra-uterinas, por isso a cirurgia deve sempre ser realizada em ambiente hospitalar e sob anestesia.
O tratamento cirúrgico minimamente invasivo para os miomas uterinos também trouxe uma nova perspectiva para a ginecologia moderna. Com a laparoscopia e a videohisteroscopia enormes vantagens surgiram para as mulheres, como tempo reduzido de internação hospitalar, recuperação pós-operatória mais rápida, retorno às atividades de trabalho mais precocemente e diminuição da dor pós-operatória. Mas, por estes procedimentos terem indicações relativamente precisas, uma questão ainda paira no ar: O que fazer com os casos que não se encaixam nestas indicações ou, até mesmo, em indicações de outros procedimentos como a embolização dos miomas?
Para isso, a medicina tratou de evoluir mais um pouco e novas técnicas de miomectomia por laparotomia foram reinventadas. Como variações no mesmo tema, esta técnica de miomectomia também se tornou menos invasiva; com incisões cada vez menores, com menor manipulação dos órgãos abdominais e com técnicas anestésicas mais modernas, melhores resultados e recuperação pós-operatória mais rápida também são atingidas.
Além disso, a miomectomia, até hoje temida por muitos ginecologistas, também evoluiu no quesito segurança. O exame de ressonância magnética é hoje a principal ferramenta pré-operatória da miomectomia laparotômica. Com ela é possível mapear o útero, saber a localização e o tamanho dos principais miomas e sua relação com as trompas, os ovários e outros órgãos vizinhos, como bexiga e intestino. Assim, traçamos uma estratégia de abordagem aos miomas, minimizando muito o tão temido risco da retirada do útero durante a miomectomia. E, para minimizar ainda mais este risco, também podemos lançar mão da oclusão das artérias uterinas, diminuindo a perda sanguínea durante o procedimento, além de proporcionar uma menor taxa de recidiva dos miomas uterinos após a miomectomia. Por fim, o benefício na qual considero o mais importante desta técnica, a reconstrução uterina. Por vezes o útero pode estar bastante danificado em sua estrutura por conta dos miomas. Em pacientes que desejam engravidar, a estrutura da matriz uterina é de suma importância, tanto para obtenção quanto para manutenção da gravidez. Portanto, a reconstrução da parede uterina deve ser feita cuidadosamente, quase que de maneira artesanal, utilizando fios cirúrgicos de última geração e seguindo criteriosamente os princípios cirúrgicos de sutura do tecido uterino.
Reinventar um procedimento já consagrado pela medicina há décadas nos traz mais esperança na luta contra os miomas. Sabemos que novos tratamentos sempre surgirão e serão benvindos, pois aumentar o nosso arsenal contra os miomas é necessário. Mas também devemos saber que, abandonar técnicas antigas nem sempre é o melhor caminho. A história já nos provou que aliar o conhecimento antigo aos avanços da tecnologia parece uma solução, na maioria das vezes, bastante promissora.

103 comentários:

ROSIANE MEIRELLES disse...

DR. MICHEL JÁ ENVIEI UM E-MAIL PARA SEU SITE. ME CHAMO ROSIANE MEIRELLES E ME ENCONTRO NO MOMENTO DESESPERADA, POSSUO UM MIOMA SUBMUCOSO NO ÚTERO(O QUE SANGRA MUITO) E QUERO SABER SE TENHO POSSIBILIDADE DE ENGRAVIDAR ALGUM DIA. POSSO LHE DIZER QUE JÁ ESTOU NO ULTIMO ESTAGIO DE MEU DESESPERO...POR QUE NÃO POSSUO RECURSOS PARA REALIZAR MEU TRATAMENTO...

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Rosiane,
A retirada dos miomas submucosos por videohisteroscopia cirúrgica apresenta ótimos resultados, além de apresentar altos índices de gravidez após cirurgia. Portanto, se você tiver indicação, creio que você irá se beneficiar bastante com este tratamento.

Anônimo disse...

Olá !
Sou Ivanir Tenho um mioma ao certo não sei especificamente o tipo de mioma que tenho, mas estou com muito medo, pois estou com 37 anos e tive um aborto espontâneo em setembro/2008
Quero muito engravidar novamente.Tenho medo de retirar o mioma e não poder engravidar mais. Moro em uma cidade pequena sem muitos recursos no interior de SC.

Vocês podem me ajudar?
O que devo fazer?

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Ivanir,
Atualmente, com as diversas técnicas existentes, quase sempre a retirada do útero é desnecessária para o tratamento dos miomas.
Em relação à retirada do mioma, inicialmente, deve-se estabelecer se este mioma realmente prejudica sua fertilidade. Se estiver prejudicando, o ideal pode ser retirá-lo. Caso contrário, a gravidez pode ser tentada mesmo sem a retirada do mioma.
Para melhor esclarecer seu caso, o ideal seria que vc procurasse fazer uma consulta com um médico experiente e engajado na filosofia do tratamento dos miomas preservando seu útero e, consequentemente, sua fertilidade.

Vania disse...

Boa tarde !
Sou Viviane, tenho 38 anos e após um aborto de três meses em setembro de 2008, contatou-se que tenho um mioma intramural de aproximadamente 3,1 X 2,4. Não posso confirmar ao certo o motivo do aborto, mas quero engravidar novamente. O que devo fazer? Tenho medo de retirar o mioma e prejudicar meu útero. Mas por outro lado, tenho medo de engravidar e acontecer novamente o aborto.O que seria mais seguro neste momento? Me ajudem...

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Viviane,
O mais seguro neste momento seria vc ser submetida a uma avaliação criteriosa e minuciosa do seu caso, através de uma consulta presencial e da realização de exames complementares capazes de avaliar o seu útero e seus miomas adequadamente. Não hesite em procurar uma segunda opinião, de preferência, com um profissional habituado ao tratamento dos miomas uterinos.

Anônimo disse...

Olá! Fiz uma laparoscopia abdominal há um mês para a retirada de três miomas intramurais e um subseroso de 8 cm. Gostaria de saber duas coisas: 1ª: após quanto tempo posso engravidar e o que acontece caso eu engravide antes do tempo mínimo indicado?
2ª: existe algum produto (alimento, chá, medicamento, etc.) capaz de evitar o surgimento de novos miomas?
Muito obrigada!

Magistra disse...

Gostaria de merecer a atenção dos sr. para solucionar um impasse no qual me encontro.
Sou portadora de miomas uterinos. Fiz um ultra-som recentemente que apurou os seguintes dados:
"UTERO EM AVF, MEDINDO 86X58X73MM COM VOLUME DE 193CM3. OS CONTORNOS REGULARES E O MIOMÉTRIO APRESENTA TEXTURA HETEROGÊNEA, OBSERVANDO-SE NA REGIÃO CORPORAL, NÓDULOS HIPOECÓICOS DE BORDAS REGULARES, NAS SEGUINTES LOCALIZAÇÕES:
- PAREDE POSTERIOR, MEDINDO 50X42MM;- PAREDE POSTERIOR, MEDINDO 30X25MM;- PAREDE POSTERIOR, MEDINDO 24X21MM.CAVIDADE UTERINA COM ENDOMÉTRIO CENTRAL E REGULAR, COM 3.3MM DE ESPESSURA. OVÁRIOS NÃO VISIBILIZADOS. PELVE SEM ALTERAÇÕES ECOGRÁFICAS. AUSÊNCIA DE COLEÇÃO LÍQUIDA EM FUNDO DE SACO.I.D.:MIOMATOSE UTERINA."
Diante desse quadro, gostaria de saber se meu caso pode ser tratado com medicamentos? Ou, se for somente possível a via cirúrgica, se devo fazer só a retirada dos miomas ou se o melhor seria a histerectomia?
Agradeço, antecipadamente, a atenção.

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Anonima,
Infelizmente, a reposta a sua primeira pergunta só poderá ser respondida pelo seu médico, o que executou a cirurgia, pois existem diversas condições intra-operatórias que podem influenciar neste tempo.
Já em relação à prevenção de novos miomas, não existem estudos que comprovem a eficácia destes produtos. Mas, especula-se que uma alimentação o mais saudável possivel, com o mínimo de alimentos industrializados possa diminuir o aparecimento dos miomas.

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Magistra,
Atualmente, com as diversas técnicas existentes, quase sempre a retirada do útero é desnecessária para o tratamento dos miomas. No entanto, para melhor esclarecimento do seu caso, é imprescindível a realização de uma consulta presencial. Aqui, poderemos tirar dúvidas gerais sobre os miomas, mas jamais poderemos responder questões específicas de cada caso, pois cada caso é individualizado e demanda uma série de outras questões que devem ser levadas em consideração para decidir qual o melhor tratamento para o seu caso especificamente. Questões estas que só poderão ser respondidas através de uma consulta presencial. Desculpas.

Carla disse...

Olá
Tenho 33 anos e 5 miomas subserosos, não tenho hemorragias, e farei uma miomectomia via abdomem, gostaria de saber se a recuperação é muito dolorosa, e se há chances da não retirada do utero.Farei a miomectomia pq um dos miomas está grande com 6.6x5.5x5.7 e o volume uterino 90.0com³(8.0x5.0x4.2 cm).
Obrigada
Carla

Dr. Michel Zelaquett disse...

Carla,
A recuperação deste tipo de cirurgia costuma ser boa e não levar mais do que 30 a 45 dias. No entanto, essa recuperação deverá ser cuidadosamente acompanhada pelo seu médico, pois só ele poderá lhe dizer com exatidão sobre sua recuperação.
Em relação a possibilidade de retirada do útero, depende de inúmeros fatores, sendo os principais a condição intraoperatória encontrada pelo cirurgião e a experiência do cirurgião e de sua equipe.

Anônimo disse...

Olá, Dr Michel,

Meu nome é Andréa, tenho 38 anos e me submeti a uma miomectomia em 2002 quando foram retirados 28 miomas. Após a recuperação, consegui engravidar e tenho um filho lindo. Agora, resolvi engravidar novamente e descobri que os miomas estão de volta. Tenho a opção da miomectomia novamente ou a retirada do útero. Gostaria da sua opinião: Caso eu faça a miomectomia, em quantos meses o Sr acha que poderei engravidar?? e qual a sua opinião referente a histerectomia, obrigada.

isa disse...

Olá. Tenho 28 anos e aos 23 fiz uma miomectomia por via abdominal para a retirada de um mioma de 30 centímetros cúbicos. Agora estou tentando engravidar, mas tenho medo de não conseguir. Minha gineco me disse para tentar por seis meses e só depois realizar exames para saber se ficou alguma aderência. Pergunto: é grande o risco de infertilidade? Mesmo com tais aderências, posso fazer algum tratamento para engravidar? Obrigada.

meuryju disse...

Boa noite,

ME chamo Maria José, tenho 31 anos, e ainda nao tenho filhos, possuo dois miomas, sendo um submocoso intra-cavitario que mede 2,7 x 2,0cm, e outro é subseroso localizado no corno uterino esquerdo medindo 2,6 x 2,3cm,já fiz dois procedimentos de videohisteroscopia, mas continuo tendo hemorragias, já me tratei com tres especialistas, agora estou no quarto especialista, que me falou que terei de fazer o procedimento da laparotomia, ou seja terei de retirar os miomas por meio de cirurgia pélvica.

Agora vem a minha duvida, o médico me falou que nesta cirurgia irei perder uma parte do endometrio, pois o mioma submucoso é proximo ao mesmo,e segundo o especialista o endometrio se reconstitui, isso procede?

Poderei ter uma gravidez futuramente?

grata, pela atenção

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Andréa,
Seu caso me parece de uma complexidade acima do usual. Nem sempre a miomectomia nestes casos é a melhor opção. Uma boa investigação deverá ser feita, pois outras opções de tratamento podem ser factíveis, como a embolização dos miomas, evitando assim uma histerectomia, que tornaria inviável seu desejo de ter mais um filho.

Dr. Michel Zelaquett disse...

Boa Noite Isa,
A miomectomia oferece um risco razoável para a formação de aderências. No entanto, nem sempre essas aderências significam dificuldade para engravidar. Ao meu ver, a conduta de sua ginecologista é bastante coerente e sensata, pois o diagnóstico de infertilidade só pode ser dado após pelo menos 1 ano de tentativa de engravidar sem sucesso.

Dr. Michel Zelaquett disse...

Boa Noite Maria José,
Para decidir qual a melhor opção terapêutica para o seu caso seria necessário uma avaliação criteriosa, com a realização de exames específicos. Portanto, responder esta sua questão pode ser muito mais complexa do parece, pois inúmeros fatores estão envolvidos, como quantidade de miomas que vc tem, localização e tamanho dos mesmos e quais procedimentos implicariam numa melhora ou numa piora da sua capacidade reprodutiva.

Indira disse...

Olá a todos,
Foi-me diagnosticado um mioma do tamanho de um feto de 4 meses. tenho um filho de 8 anos. estou muito apavorada porque tenho medo de não voltar a engravidar. será que na altura da retirada do mioma não afectará a minha fertilidade?

cptos,

Dr. Michel Zelaquett disse...

Boa Noite Indira,
Para responder essa sua questão seria necessário uma avaliação mais criteriosa do seu caso. Em geral, apesar do tamanho, grandes miomas podem ser retirados sem a necessidade de retirada do útero e com prejuizo à fertilidade bem menor do que a simples presença do mioma.

Walkiria disse...

Ola Dr tudo bem?

Bom irei fazer uma miomectomia , tomei zoladex em novembro do nao passado diminuiram os miopmas, mais ficaram 2 subserosos, estarei fazendo estou meio tensa acho que normal para uma cirurgia, mais tem outros metodos?

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Walkiria,
Sem dúvida existem outros métodos, como embolização dos miomas e ablação dos miomas por ultra-som (Exablate). No entanto, nem sempre todos os casos tem indicação para serem tratados por estes métodos. O ideal seria q vc fosse avaliada por uma equipe especializada em miomas e habituada a todos os métodos existentes.

esperança disse...

Olá,
Tenho 36 anos. Há cerca de 2 anos descobri que tenho os três tipos de mioma, sendo que dois de tamanhos consideráveis (intramural de aproximadamente 6cm e outro submucoso que ocupa cerca de 80% da cavidade uterina). Foi-me recomentado a colocação, uma vez que me senti insegura para fazer qualquer intervenção cirúrgica, o mirena. Usando-o há 35 dias. Os efeitos são os esperados: sangramentos ininterruptos (desde que coloquei não paro de sangrar), sensibilidade nos seios, inchaço na barriga, prisão de ventre, cólicas...Minha médica disse q isso é normal e devo esperar o tempo de adaptação q dura cerca de 6 meses.
Enfim, caso o mirena não surta o efeito esperado, a retirada dos miomas através da técnica de videohisteroscopia (especialmente para o submucoso, que é muito grande) pode ser usado? Há outra solução capaz de resolver meu problema sem que parta para a histerectomia? Decididamente não quero perder meu útero...
Por favor, responda-me..

Dr. Michel Zelaquett disse...

Boa Noite Esperança,
Definitivamente, em casos como o seu, não costumo indicar a utilização do Mirena, visto q este não resolverá seu problema, não fazendo os miomas e seus sintomas diminuirem. Com isso, o tratamento doa miomas pode estar sendo retardado, fazendo com que o tratamento futuro dos miomas seja ainda mais difícil, diminuindo as chances de preservação do útero.

esperança disse...

Dr. Michel, obrigada por responder. Por favor, mais uma coisa: Qual seria, então, a melhor alternativa para mim, visto que o mirena não se coloca como melhor alternativa para meu problema?
(Reler o meu relato postado no dia 24 de abril, às 23:48).
Obigada!

Qto ao mirena, sinto realmente que fiz uma pessima escolha. Passaram-se 2 meses e me sinto pessima. Agora os sangamentos pararam (em parte). Entretanto persistem as dores, inchaço e períodos que intercalam entre sangramentos em forma de coagulos (dores imensas) e liberação de um líquido transparente que me incomoda profundamente.

E agora, "José"?

rosangela disse...

MEU NOME É ROSANGELA TENHO 35 ANOS DESCOBRI QUE ESTOU COM MIOMA,EM DEZEMBRO DE 2008,SANGRO MUITO DES DESTA DATA,ASITUAÇÃO SO VEM PIORANDO ,POIS AGORA CAEM PEDAÇOS DE SANGUE PRETO,E OUTROS BEM AVERMELHADOS, GOSTARIA DE SABER SE TEREI QUE ARRANCA O UTERO, EM DEZEMBRO ELE MEDIA:36x35mm.

Fairy disse...

Olá Dr. Michel
Tenho 30 anos,faz uns 3 anos que descobri que tenho miomas. Estou com 6 miomas,sendo 4 subserosos (o maior medindo 91,5cm³)e 2 intra murais. O meu útero está com o volume de 307,4cm³. Já fiz tratamento com hormônio e vou fazer daqui uma semana a miomectomia por videolaparoscopia.
Gostaria de saber a opinião do senhor sobre meu caso,quais as chances que eu tenho de engravidar futuramente e se tem algo que eu possa fazer para que os miomas não voltem a aparecer. Agradeço desde já sua atenção. Obrigada!

daniela disse...

Ola boa tarde meu nome é Daniela tenhao 22 anos e a uma semana eu descobri que tenho um mioma segundo o medico ele é dentro do utero do lado esquerdo,do tamanho de um limao grande e o medico me falo que se eu quiser ter um filho terei que ter agora pois se ele crescer nao poderei mas ter filhos sera que existe algum tratamento para isso andei pesquisando e vi que a maioria dos casos as mulheres que tem esse tipo de problema tem de 30 anos pra cima e entrei em desespero pq isso nao esta em meus planos no momento por favor me responda desde ja fico grata

Anônimo disse...

Olá, Dr. Michel. Fui submetida a miomectomia há pouco mais de 2 meses, antes havia feito tratamento com zoladex, pois os miomas que eu tinha eram grandes. E agora, quando retornou o meu ciclo menstrual, tive uma hemorragia considerável, não tanto quanto no período em que tinha miomas,porém não como antes dos miomas, em que o meu ciclo durava de 3 a 5 dias. Quando retornou durou 8 dias. A minha pergunta é: isso foi um episódio isolado? Minha menstruação será um pouco mais do que antes era?

bete disse...

Oi Dr. Michel,
Meu nome é Bete, descobri que tenho dois miomas intramurais, um na parede corporal posteior, medindo 1,0 X 0,8 cm, outro na região ântero- fúndica, medindo 0,9 X 0,8cm. Gostaria de saber qual o melhor tratamento para meu caso, já que pretendo engravidar e qual a melhor época para engravidar, antes, depois ou algum tempo depois do tratamento?

Anônimo disse...

Olá Dr. Michel! Tenho 31 anos, não tenho filhos e há tres meses descobri que tenho miomas, onde já procurei dois médicos e não me deram nehuma resposta positiva... Tenho dois intramurais medinndo 2,3 x 2,3 na parede posterior uterina e um outro no corno esquerdo medindo 1,7 x 1,8. Queria saber qual a melhor soluçao para este problema, salientando que queria engravidar em 2011 e queria preservar meu útero. Desde ja agradeço.

Jaqueline disse...

Dr. Michel, Sou ligada e estou com dois miomas,um subseroso medindo 26x19mm, E outro 17x15 intramural. Tem comoo fazer uma cirurgia pra retirada desses miomas .. sem tira o útero ?E se tiver , qual é o nome dessa cirurgia??

Anônimo disse...

Dr. Michel, tenho 30 anos e não tenho filhos. Apresento útero aumentado em 1116.cc e mioma de 94x79x87mm com volume=336cc( não apresento hemorragia). Diante deste diagnóstico gostaria de saber se a única solução para o meu caso seria a histerectomia, ou se diante de meu diagnóstico haveria a possibilidade de ser feito uma videohisteroscopia? Em sua opinião qual seria outro método mais aconselhavél em meu caso? Pois não quero perder meu útero.

Anônimo disse...

Olá, Sou Edileuza, tenho 44 anos.Tenho mioma intramural, tenho uma filha de 12 anos, mas quero ter mais um filho. minha médica me disse que teria que fazer a retirada do útero, mas como já disse quero ter mais um filho, e não quero fazer essa cirurgia. moro no interior de SP. O que posso fazer: embolização do mioma ou miomectomia. Obrigada.

Anônimo disse...

Olá. sou eu a Edileuza.
Esqueci de perguntar da outra vez então resolvi perguntar de novo se eu for fazer embolização do mioma, se eu posso engravidar, e se eu for fazer a miomectomia se posso engravidar sem problemas em qualquer um dos dois.
E se a criança nasce bem em qualquer um dos dois.

Vani Andrade disse...

bom dia!!!Tenho 38 anos, e sofri dois abortos espontaneos num intervalo de 1ano cada. Pela curetagem minha mestruação parou, e sofro de uma dor constante do lado esquerdo do ovario. Um medico me pediu para fazer uma videohisteroscopia diagnóstica.Gostaria de saber o que é isso? Quais os riscos? e o pos operatorio? Medicamentos são caros apois o exame? sinto muita dor. Tomo Cerazetti sem intervalo para diminuir a dor, esta correto?
Vaniceia Andrade de Barros

Michelle disse...

Dr. Michel,sou Michelle e tenho 27 anos, queria saber qual a sua opinião no meu caso, tenho 27 anos e tenho um mioma de 3.8cm (aproximadamente). Pretendo engravidar daqui um ano seria melhor retirar o mioma ou tentar engravidar sem tirá-lo? Uma paciente com mioma tem mais chances de abortar? Muito obrigada

Anônimo disse...

Dr Michel,

poderia me dar uma Explicação.
Fiz exames recentes e descobri que tenho Miomas e Ovarios Policisticos.
A 2 anos e Meio Atras tive um trombo e não posso tomar nenhum tipo de Hormonio.
Engordei Demais e não sabia a causa.
Na ulta esta desse jeito:
UTERO PIFORME, EM ANTEVERSOFLEXÃO, DE CONTORNOS REGULARES, MEDINDO APROXIMADEAMNETE 9,3x5,9x4,9 CM (L x T xAP)
MIOMÉTRIO DE TEXTURA HETEROGENEA, APRESENTANDO DOIS NODULOS HIPOECOICOS INTRA-MURAIS MEDINDO 1.3x1,5 CM, NA PAREDE ANTERIOR AO FUNDO É DE 0,9x1,0 CM, NA PAREDE POSTERIOR DO CORPO, COMPATIVEL COM MIOMAS.
ENDOMÉTRIO CENTRADO E DE ESPESSURA NORMAL, MEDINDO 0,4 CM.
OVÁRIO DIREITO MEDIDNDO 4,0x3.9x2,3 CM (VOL: 19,1 CM)3 E O ESQUERDO MEDINDO 4,2 x 4,5x 1,8 CM ( VOL 18,2 CM)3 AMBOS APRESENTANDO MULTIPLAS PEQUENAS FORMAÇÕES CISTICAS PERIFÉRICAS, SUGESTIVO DE OVÁRIOS POLICISTICOS.
AUSENCIA DE COLEÇÃO LIQUIDA EM FUNDO DE SACO POSTERIOR.

Por favor me dá uma orientação, vez essa quie minha m´pedica só poderá me atender daqui a 15 dias.

Jackellyne Forevers disse...

Dt. Michel, tudo bom? Gostaria de tirar uma duvida. Minh mae tem 61 anos, tem o utero infantil e ja passou da menopausa, e recentemente fez uma ultrassonografia e deu que não visualizou os ovarios dela. O que pode ser isso?
Obrigada pela atenção!

Danielle disse...

Olá, tenho 28 anos, não tenho filhos e pretendo ter.
Tenho um mioma de quase 10 cm, e minha miomectomia já esta marcada para esse mes, quais são as chances de eu poder engravidar apos a retirada desse mioma? como e essa cirurgia, estou morrendo de medo.

Lessandra Mancuso disse...

Boa noite Dr. Michael. Tenho um mioma de 6cm x 4cm, intramural na lateral esquerda do utero. Gostaria de saber se esse tipo de mioma e no tamanho que está pode ser retirado por videolaparoscopia ou se tem que ser miomectomia abdominal mesmo.
E todas as mulheres que tiram miomas voltam a te-los novamente ? Isso se da a 100% delas ? No caso de quem nao quer mais filhos é aconselhavel ja uma histerectomia ?

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Lessandra,
Para miomas com essas dimensões, a miomectomia por videolaparoscopia pode ser realizada perfeitamente, configurando numa tecnica minimanete invasiva com ótimos resultados e uma rápida recuperação pós-operatória.
A recidiva dos miomas (a chance de ter os miomas novamente) não é de 100%. Ela é de aproximadamente até 30% em 5 anos, sendo que nem todas as mulheres que tiverem miomas novamente vão precisar de um novo tratamento.
A indicação da histerectomia pode ser aplicada principalmente em mulheres que não desejam engravidar e que desejam a retirada do útero.

Danielle disse...

Olá, tenho 28 anos, não tenho filhos e pretendo ter.
Tenho um mioma de quase 10 cm, vou fazer uma miomectomia, para retirar o mioma, quais são a chances de eu engravidar? e quanto tempo de recuperação, corro o risco de perder o utero?

Jackellyne Forevers disse...

Dr. Michel, tudo bom? Gostaria de tirar uma duvida. Minha mae tem 61 anos, tem o utero infantil e ja passou da menopausa, e recentemente fez uma ultrassonografia e deu que não visualizou os ovarios dela. O que pode ser isso?
Obrigada pela atenção!

Anônimo disse...

Ola, Dr.Tengo 36 e nao tenho filhos
Cinco anos atras descobri que tinha miomas, um subseroso e 2 intramurais,todos com menos de 4 cm, pergunto: qual é o mais perigoso, que pode provocar um aborto?? se consigo levar a gravidez ate o fim, depois ele diminui o tamanho?? hay risco para opera-los?? estou pensando daqui um tempo fazer o tratamento no Red Dor com exablate, mas trataria somente 1, porque creo que os intramurais nao podem, e oque farei com os outros dois?? porque nao posso fazer o tratamento tambem para os intramurais???? e a embolizaçao ´seria para todos os tipos de miomas ?? e perigosa?? quais os efeitos colaterias?obrigado

emagrecer disse...

Dr poderia tirar algumas duvidas minhas? tenho um mioma na parede externa do utero ?preciso tirar ? quero engravidar o mioma atrapalha? se engravidar quais problemas terei ?fiz um exame que diz que nao tenho progesterona , o que fez com que meu organismo parace de fabricar esse hormonio?tenho 38 anos 2 filhas e estou acima do peso gostaria de saber as reais chances que tenho para uma gravidez saudavel. muito obrigado.

PrincesapunK disse...

Tenho 19 anos e estou com um mioma intramural de 1,3 cm. Existe necessidade de retirá-lo?
Não causa dor, nem aumento de sangramento nem nenhum sintoma.

Medinho disse...

Tenho um mioma de 5cm e subseroso e esta me gerando muita dor e muito desconforto, tenho 28 anos e nunca engravidei, meu médico me indicou uma miomectomia? Qual o risco?

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá "Medinho",
Estudos científicos indicam que a retirada do útero pode ocorrer em até 1% das miomectomias, considerando equipe cirúrgica experiente e técnica cirúrgica adequada. Além disso, estudos também indicam ser a miomectomia padrão ouro de tratamento para mulheres que desejam engravidar e o mioma é a causa de infertilidade. Portanto, certifique-se de que seu seu médico está habituado ao tratamento dos miomas, o que sem dúvida lhe trará mais segurança e garantia de melhores resultados.

Rita disse...

Dr. Michel Zelaquett
Boa noite! meu nome é Rita,tenho 32 anos, descobrir que estou com um mioma intramural medindo 0,9cm, gostaria de saber se posso realizar uma cirugia para retirada do mioma, pois ainda não tenho filhos tenho uma vontade imensa de ter filhos. estou com bastante medo de não poder engravidar devido ao mioma.
gostaria muito que o senhor mim orientasse.
boa noite!!!

Anônimo disse...

Dr Michel, tenho um mioma subseroso de 11x6cm e o meu ginecologista axonselhou-me uma histeroctomia. Tenho 48 anos,estarei a entrar na perimenopausa e é um facto que nao pretendo ter filhos mas nao desejo a retirada do utero. Mediante o meu caso e a minha idade o que me aconselha?
Desde já Muito obrigada pela resposta.
Irene

kamiila disse...

Olá Dr Michel... Me chamo Kamila e tenho 19 anos.. a menos de um mes descobri que tenho dois miomas.. e vários cistos no ovário..tenho um cilclo menstrual intenso e sinto muita dor..
e queria saber se isso é comum.. pq já fui em dois médicos e eles me disseram que isso é raro na minha idade.. estou com medo! Eles só me passaram um anticoncepcional o Microvlar* queria q o senhor me esclarecesse melhor..
Obrigada..

kamiila disse...

Olá Dr.. quem tem mioma pode engravidar?

Anônimo disse...

oi meu nome é elizama
fiz uma hesterectomia dia 17 de setembro de2009 . qria saber se ha possibilidade do miomas se formar outra vez daqui algum tempo?
um abraço!!!!!

melarian disse...

Oi Dr. Michel, meu nome é Melissa, tenho 32 anos. Vou me submeter à uma FIV em janeiro. Fiz um ultrasson transvaginal e o resultado foi "textura miometrial heterogênea com pequenos nódulos intramurais dispersos, menores que 1,0 cm". Gostaria de saber do senhor, se isso pode provocar alguma dificuldade para a fixação do embrião ou diminuição da taxa de sucesso, ou então complicação durante a gravidez ou para o bebê. Poderia indicar algum site que explica bem esse assunto?

Muito obrigada!

solange disse...

Meu nome Solange tenho 38 anos ainda não tenho filhos sou de BH MG
Doutor boa tarde fiz o exame ULTRASSONOGRAFIA ENDOVAGINAL e deu.


UTERO: Antevertido, apresentando forma e contornos regulares.
Volume aumentado, medindo 9,3 x 5,0 x 6,1 cm e volume de 150,6 cm³ .
Parênquima com textura miometrial sólida e heterogênea, devido a presença de alguns
Nódulos hipo/hiperecogenicos com dimensões variáveis, os quais distribuem irregularmente pelo tecido uterino, estando o maior
Localizado em parede corporal anterior/ lateral esquerda, medindo 2,0 x 1,8 cm, sugestivos de miomas intramurais.
Colo uterino de aspectos ecograficos normais,


CONCLUSÃO: Aspectos ecograficos sugestivos de:
Miomatose uterina.

PERGUNTAS:

-Desejo saber se me encaixo no tratamento sem cirurgia.
- + - qual é o custo desse tratamento sem cirurgia.
- Se esta só ao alcance de pessoas de poder aquisitivo.
- Se o tratamento sem cirurgia tem convenio com algum plano de saúde ou se é só particular.

Por gentileza fale um pouco do resultado do meu exame:

DESDE JÁ AGRADEÇO PELA ATENÇÃO E GENTILEZA:

Kakau disse...

Olá Dr Michel, me chamo Kelly Maia e recetemente fiz uma miomectomia e retirei 6 miomas, sendo que o maior era um subseroso e media 7,0 x 6,5 x 5,5 cm e os demais não passavam de 2 cm.
Gostaria de saber quais são as minhas possibilidades de engravidar e quanto tempo tenho que aguardar para engravidar.
E gostaria de saber se é verdade que eles voltam?
Agraço pelo sua atenção.

Anônimo disse...

oi, boa noite! dr. michel a 6 meses fiz uma cirurgia para retirada de miumas e meu medico me alertou para somente engravidar a 2 anos parei de tomar pilulas e estamos usando camisinha, mas, estou aflita a 10 dias minha menstruaçao está atrasada o que vc diz, seeu engravidar o que acontece me ajude!!!!ABRAÇO!!!

Lilian Fernandes disse...

Olá, Drº, tenho 33 anos, sem filhos e gostaria de saber qual o tempo que posso voltar a realizar as atividades de casa(lavar roupas, passar, cozinhas, limpar casa)e fazer minhas caminhadas diárias e se acha que conseguirei engravidar, pois há 18 dias passei por uma miomectomia por via abdominal para retirada de 7 miomas que se localizavam na região fundo-corporal intramurais e subserosos.Porém, ainda ficaram 8 miomas de tamanho menor, os quais não dava para ser retirados, pois ainda estão muito pequenos, segundo o cirurgição ou então teria que fazer uma histerectomia.

Obrigada!

Anônimo disse...

Olá doutor, tenho 36 anos, ainda não sou mãe, irei fazer uma cirurgia para retirada de miomas intramural e cisto de ovário HD: Endometrioma. Tenho chance de engravidar após esta cirurgia? depois de qto tempo posso começar a tentar?

*** Clarice *** disse...

Dr. Michel , tenho 45 anos e eu já tomava Diane 35 para acne há uns 3 anos e no decorrer das consultas e exames ( já tenho uma filha com 23 anos ) descobri alguns pequenos miomas . Meu médico disse para continuar tomando a pilula e com isso estava controlando bem , somente na menstruação sangrava muito uns dois dias , bastante mesmo , mas nada que chegava a incomodar tanto . Ocorre que reclamando para ele que estava sentindo suores noturnos intensos antes da menstruação ele resolveu trocar a Diane 35 para Yas , dizendo que com ela deveria parar de ter estes suores. Só que na troca da pílula comecei a sangrar demais , ter muitas cólicas e ligando para ele , ele me pediu para voltar a tomar a Diane de 8/8 hs .O sangramento diminuiu , mas não parou , passei a tomar de 12/12 e depois 1 ao dia até terminar a cartela . Durante a cartela fiquei sangrando um pouco quase todos os dias . Ele disse que se não parasse teria que trocar o medicamento e se não tivesse jeito teria que tirar o útero . Eu questionei sobre isso , dizendo sobre a retirada só dos miomas e ele disse que não seria bom porque eles poderiam voltar eque como eu não quero mais engravidar não precisava mais do útero . O que o Sr. acha sobre estes procedimentos ? Não quero fazer a cirurgia de retirada do útero , por receio e também porque trabalho ( sou autônoma ) e não gostaria de ficar afastada muito tempo . Continuando agora com a Diane 35 será que o sangramento vai parar ? vindo só na menstruação como antes ? e porque aconteceu de sangrar tanto e ter tantas dores quando mudei a pílula ? o que aconteceu ? Aguardo ansiosa a sua opinião , pois lendo sobre a retirada só dos miomas me pareceu a opção mais sensata .
Resultado do último exame : útero em anteversão , centrado , de dimensãoes aumentadas , contornos ligeiramente irregulares. A textura miometral é heterogene pela presença de nódulos sólidos , o maior deles medindo 14 x 8 mm , localizado na região submucosa posterior .
utero mede 77 x 47 x 54 mm ; volume 105 cm3
cistos simples de aspecto folicular no ovário direito .
Obrigada por sua atenção
Clarice

raquel disse...

Ola Doutor, Em maio fiz uma transvaginal e foi diagnosticado um mioma intramural de 13mm, e o medico me receitou o depo provera. No segundo mes apos a injecao fiquei sangrando quase 1 mes.Fiquei de agosto a dezembro usando o perlutan.Refiz a transvaginal em dezembro e o mioma passou para 21mm com componente submucoso.O medico entao alterou o anticoncepcional para Gestinol 28.Depois da segunda cartela, mesmo tomando normalmente o remedio a minha mestruacao (volumosa) veio juntamente com muita colica.Agora em marco a pedido da ginecologista fiz nova transvaginal e o diagnostico diz ser subseroso e intramural e medindo 32 mm.Agora fui a uma outra ginecologista e ela falou para trocar o anticoncepcional para o cerazette.Qual o melhor para o tratamento do mioma Cerazete ou Gestinol? O Duphaston ajuda no tratamento?Tenho 36 anos e um filho de 5 anos. Muito obrigada

Anônimo disse...

anonimo
tenho 3 miomas eles sagram muito a nove meses estou sagrado sem parar tenho 35 anos nao tenho filhos quero engravidar sou hipertensa,diabetica.sera se tenho chance de ter um filho.obrigado

c.aragao disse...

Olá Dr. Boa noite
Me chamo LÚ tenho 30 anos e fiz no
dia 18/02 uma miomectomia retirei 03 miomas o maior tinha 4,5 mais o médico me falou que tinha um do tamanho de um grão de arroz perto da minha trompa e ai ele passou um anteconcepicional cerazete, minha duvida é será que esse mioma pequeno pode sumir com essa medicação.
Obrigada

Iara disse...

Boa Tarde Dr.Michel. Meu nome é Iara e tenho 40 anos. Em minha última consulta médica, foi diagnosticado um mioma intramural de acordo com a Ultrasonografia. Tenho mtos sintomas, como: sangramento intenso de 7 a 10 dias na menstruação com coagulos e cólicas, dor pélvica, sensação de inchaço abdominal, pequeno sangramento na relação sexual, sensação de urina presa com várias micções principalmente a noite, anemia discreta, queda de cabelo, ondas de calor acima da cintura, entre outros desconfortos. Minha médica quer fazer a retirada do útero e cólo. Gostaria de saber se é comum retirar também o cólo do utero e se futuramente não ficarei com bexiga caída? Ou se existe tratamentos melhores na atualidade que possam me livrar desses sintomas que me causam mto desconfortos, desanimo e fraqueza muscular? Estou mto confusa, pois não sei até onde no futuro, a falta de utero e colo possam prejudicar minha qualidade de vida, ou se o melhor mesmo é fazer a histerectomia? Vou procurar uma segunda opnião médica, mas goataria também de sua orientação.
Na espera de uma resposta, agradeço antecipadamente.
Obrigado!
Iara

vani disse...

Ola,
Meu nome é vani tenho 36 anos, em 2005 fiz uma cirurgia para retirar um mioma intramural de 9cm, mas meu copor rejeitou o ponto, oq fez eu fikar com um queloide oq me doi muito, nunca tive hemorragia nem barriga grande,nem colicas, msm antes da cirurgia, hoje o mioma voltou menor, enfim, gostaria de saber se tenho chances de engravidar , pois nunca engravidei.
obrigado

Anônimo disse...

Fatima/SP
Olá Doutor, por favor me ajude!!!
Estou morrendo de dúvidas!!!
Não sei qual cirurgia fazer.Tenho 41 anos, não tenho filhos, mas ainda acho que terei, possuo um mioma intramural subseroso de 5 cm. O médico disse que não dá pra fazer videolaparoscopia. Estou muito aflita, não sei se faço embolização ou miomectomia. Posso ficar infértil com alguma dessas técnicas? Qual a melhor? Obrigada..aguardo resposta

Dr. Michel Zelaquett disse...

Olá Fátima,
Tanto a embolização quanto a miomectomia podem prejudicar sua fertilidade, mas muito provavelmente não mais do que o mioma aí existente. No entanto, para definir qual tecnica é a mais adequada para o seu caso, sugiro a realização de uma ressonância magnética de pelve com contraste e a avaliação desta por um ginecologista especialista no tratamento dos miomas uterinos.

Anônimo disse...

Oi doutor,
Obrigada pela resposta!Meu nome é Fatima.
Acho que vou optar pela cirurgia convencional para retirar meu mioma de 5cm intramural.Não tenho hemorragias, só vontade de urinar a todo momento e dor na relação sexual. Acho que assim resolverei este problema em definitivo, e não vou postergá-lo na embolização.Só estou com medo do tamanho do corte e da recuperação!!!

rose disse...

Bom dia Doutor! tenho 1 mioma submucoso de 9,4cm e 5 intra murais e com volume úterino de 594,9cm
tenho vontade de engravidar já tenho 1 filha de 16 anos, e tenho 33 anos
estou aflita não sei se opero ou faço um tratamento me dê uma luz.desde já agradeço.
att:Rose

Anônimo disse...

Faço 39 anos anos em setembro/10, tenho um mioma no utero submucoso com 2 cm, meu médico disse será necessário uma cirurgia via abdominal, não podendo ser laparoscopia,. mas como ainda nao tentei engravidar, resolvemos tentar antes para ver se engravido, tomei clomid e a injeçao, corro risco de engravidar e perder?
grata,
Su

Rubiane Brochi disse...

Olá, sou Rubiane, tenho 28 anos, descobri o Portal do Mioma pela internet.
Estou muito preocupada, sou solteira e ainda não tive nenhum filho. Este ano descobri que tenho útero miomatoso. Gostaria por favor, de seu parecer médico como especialista em miomas para ver que caminho tomar para resolver. Aqui está o resultado da ultra-sonografia feita no dia 28/04/2010.
Em ante-verso-flexão, assimétrico, apresentando formato globoso, contornos balelados e grande volume, pela presença de três nódulos intramurais miometrais porém com abaulamento de contornos.
São hipoecóicos, heterogêneos e irregulares, medindo: 5,8 x 4,7 cm em parede ântero-fúndica; 8,88 x 7,3 cm em parede posterior, desviando eco edometrial anteriormente; 5,8 x 4,7 cm em parede ântero-lateral esquerda.
Eco endometrial medindo aproximadamente 12,5 mm de espessura.
Diâmetro do útero: longitudinal: 17,2 cm ; anteroposterior: 8,7 cm ; transversal: 11,6 cm.
Volume uterino: 907,2 cm³.
Ovários bem delineados com volume e textura normais.
Já fui ao ginecologista e o seu parecer foi a retirada do útero (histerectomia).
Será que há outra solução para quem deseja ter filhos como no meu caso? Seria possível engravidar? Seria uma gravidez de risco? Não há como eu ter um filho pelo menos e depois fazer a retirada do útero?
Aguardo urgentemente o seu parecer de médico. Desde já agradeço do fundo do coração. Que Deus te abençõe.

Anônimo disse...

Boa tarde Dr.Michel,

Meu nome é Vanessa e tenho 34 anos, estou com um mioma de 4,4 cm e outros três pequenos, meu útero é RVF, e fiz uma videolaparoscopia pois estava com suspeita de endometriose, o laudo deu negativo, mas eu tinha muitas aderências. Meu útero hoje está com 152 cm3 e estou muito preocupada porque o médico está querendo fazer o miomectomia, o que faço? O senhor atende em São Paulo?

Dr. Michel Zelaquett disse...

Boa Noite Vanessa,
Neste mês estamos inaugurando nossa filial São Paulo do Centro de Mioma.
Em breve divulgaremos o telefone de contato para agendamento de consultas. Fique atenta a divulgação através de nosso site: www.centrodemioma.com.br
Espero poder ajudá-la na solução do seu caso.

Ana Paula disse...

Dr. estou desesperada , fui fazer uma ultrasson e constou um mioma pequeno benigno , a médica disse que não deveria me preocupar, estou com 28 anos e ainda não engravidei , gostaria de saber se tem casos assim que , apenas com remedio fica curada?, porque começei a ter colicas que não tinha antes , no inicio achei que fosse gravidez , mais agora descobrir isso, o que caus ao mioma também?.abraços

Lívia Lins disse...

Olá, Me chamo Lívia e vou fazer 30 anos em outubro, ganhei uma bolsa de estudos e estou indo pra Europa no final do mês de agosto. então, comecei a fazer alguns exames, fui a ginicologista para resolver um problema q tenho há 2 anos, o meu fluxo menstrual aumentou exageradamente, o q eu achei bom pq antes sentia muitas dores e depois q o fluxo aumentou, deixei de sentir dores, mas como não queria viajar assim, fui pedri um anticoncepcional, ela passou os exames e acabei de descobrir que tenho um mioma enorme que deixou meu utero com o tamanho de 451,8cm3
eu me espantei é 4 vezes o tamanho do normal, não voltei a médica para mostrar o resultado, mais por tudo que li aqui, vejo que meu caso é cirurgico, aqui pq tenho dificuldades ao defecar sinto dores horríveis e estou sangrando muito. Não seu o que faço Dr.,é recomendável, que eu fique tomando medicamento analogo Gnhr por 6 meses, até eu voltar da europa e me operar, ou tenho q me operar agora? Caso eu tenha q me operar terei q viajar em 15 dias, já estarei recuperada em 15 dias? Poderei ficar 6 meses sem acompanhamento médico? Em 15 dias depois da cirurugia poderie pegar em peso, como levantar malas ou puxá-las?
Preciso muito da sua opinião, tenho medo tb de ficar tomando os remédios pq tem efeitos colaterais e eu estarei fora do Brasil.
Obrigada.

joceliamoura499 disse...

Boa noite Dr. Michel Zelaquett ...realizei uma miomectomia (metodo convencional)no dia 05/07/10,estou achando minha recuperacao lenta,pois ainda sinto dores e dificuldade para andar,meu medico disse que leva um tempo so que sempre vejo as pessoas falando que no maximo 45 dias estao otimas!!!Por favor me ajude,sinto dores no corte e tambem abdominal....e com quanto tempo posso fazer aula de pilates? obrigada

Jocelia.

Anônimo disse...

Boa tarde Dr. Michel Zelaquett,tenho 31 anos,tenho um mioma ainda não tenho filhos mais gostaria de poder ter ,tive indicação de fazer uma miomectomia , mais tenho medo de não ser possivel na hora da cirurgia retirar apenas o mioma em caso de não conseguir conter uma hemorragia e ter que retirar o meu utero,já fiz uma alcolização e reduzio pela metade o tamanho ,mais voltou a desenvolver ,o meu mioma é intramural, solido e mede 7,6/6,3/5,9(vol.146.9 cm3) e este é o tamanho atual , é muito importante pra mim saber mais sobre esta possibilidade e se tenho chances de ter filhos ainda , e o que me sugere, obrigada , fico no aguardo de suas considerações.

Anônimo disse...

Olá Dr.
Me ajude, por favor, estou a 1 ano, tentando engravidar, de repente num exame de USG Vaginal, descobri um nódulo intramural com componentes submucoso,na parede posterior, desviando a cavidade, é como está escrito no exame, não sei o que fazer, já estou com 30 anos, e o meu sonho e do meu marido é ter um filho.O medico me disse que pode ser possível uma gravidez,e já estou com nova consulta marcada, que tentar de tudo antes da operação, pois tenho medo.Será possíovel engravidar ?

Sonia disse...

Boa Tarde Dr.

Tenho um mioma subseroso com 58mm em sua maior dimensão (as demais não são tão menores). Gostaria de saber se a miomectomia é de fato o melhor tratamento. Já utilizei zoladex e não houve diminuição.
Obrigada!

Dr. Michel Zelaquett disse...

Soraia,
Não um tratamento superior aos demais. na verdade há o tratamento que melhor irá se adequar ao caso em questão.
Por este motivo que sempre preconizo que a avaliação da mulher com mioma seja realizada por um profissional habituado e capaz de oferecer todas as opções de tratamento disponíveis para os miomas uterinos.

Anônimo disse...

Boa tarde Dr.
Tenho 30anos,sem filhos,em 2008 fiz uma miomectomia, retirei 4 miomas o maior tinha 2,5cm reduzidos com zoladex10,só que quando fiz um novo utrassom, descobrir que eles estavam de volta, tomei duas vezes anticoncepcional injtetavel trimestral, e fiquei 10meses sem menstruar, e agora minha mesntruação aumentou muito, sai coagulos de sangue e fico dias menstruada,não tenho recursos para fazer embolização qual o recurso mais indicado, meu sonho é ser mãe será que tenho chances?

Anônimo disse...

Parabens pelo blog,muito bom o conteudo. Tenho um mioma que irei retirar por videolaparoscopia, corro o risco de estar menstruada no dia.O meu medico disse que se eu estiver nao podera fazer,pelo risco de desenvolver endometreiose mas se eu optar pela cirurgia convencional nao teria importancia.Trabalho na area de saude conheço um pouco do assunto mas nao estopu conseguindo entender porque de um jeito pode e do outro nao.Poderia me explicar se isso for possivel?Obrigada

Dr. Michel Zelaquett disse...

Realmente não é recomendado que a miomectomia seja realizada enquanto menstruada, seja ela por qualquer via, histeroscópica, laparoscópica ou laparotômica (convencional). Os principais motivos são o risco de maior sangramento intra-operatório e risco de desenvolver adenomiose e endometriose.

Anônimo disse...

Boa noite Doutor, me chamo Larissa, tenho 23 anos, ñ tenho filho, existe um mioma de quase 10 cm, ñ posso fazer a embolização pq o planserv ñ cobre, sera q posso fazer o videolaparoscopia? Pois acho que é a unica solução a ser feita, e tendo esses miomas posso engravidar? Obrigada!

celma disse...

Bom dia,
Gostaria de saber se tem outra medicação que possa substituir o depo provera pois faço tratamento pois tenho nodulos de mioma, faço tratamento com ele a algum tempo mas não encontro em lugar nenhum aqui em minha cidade, ja cheguei a ficar mestruar durante 1 ano tive que fazer uso de ormonios tenho muito medo ja estou menstruando e me sinto mal com muitas dores e mal estar, sou operada não posso ter mais filhos so tomo ele por conta desse mioma, me ajude por favor.

Denise disse...

Dr.Meu nom é Denise tenho 29 anos e estava me preparando para fazer uma ICSI (fertilização),pelo motivo de meu marido ter feito reversão de vasectomia e não obteve exito.A surpresa foi na histeroscopia que apontou possível mioma intramural de 3mm.O S. acha que este mioma pode atrapalhar para eu engravidar?Desde já obrigada

Anônimo disse...

Dr. Michel, boa tarde.
Me chamo Edna, tenho 42 anos, infelizmente sem filhos. Estou com 4 miomas uterinos do tipo que cresce fora do útero. Minha ginecologista me recomendou que fizesse a miomectomia,
pois com o avanço da medicina não há riscos em ser mãe nessa idade. Já estou fazendo os exames solicitados para a cirurgia, mais agora pintou uma insegurança, por achar que a retirada do útero seria a melhor opção no meu caso. Por favor me ajude.
Um grande abraço.
Edna Conceição.

Anônimo disse...

Dr.Michel
Tenho 34 anos, nulipara e com mioma de mais ou menos 8 cm.
Gostaria de saber a possibilidade de uma mulher engravidar,pos miomectomia e mioma intamural de 8 cm, localizado na parede posterior.
Já atendeu algum caso parecido???obrigada

Roqueline disse...

Olá,Dr. Michel,
Meu nome é Roqueline tehno 39 anos.
A mais o menos 2 anos faço tratamento para um mioma SUBMUCOSO medindo 3,2 X 3,0 3,0 Cm, na parede anterior comprimindo o endométrio.A minha Ginecologista recomendou alguns médotos de tratamentos com contraceptivos contínuos, pois além de não conseguir engravidar, sinto muita cólica e dores ao defecar sem contar com o fluxo é muito inteso com bastante coagolos. E não obtivemos sucesso algum com o tratamento contínuuo. Por fim foi decidido a miomectomia laparoscópia, após realização de alguns exames, sendo estes: VIDEOHISTEROSCOPIA, HISTEROSSALPINCOGRAFIA RESSONANCIA MAGNETICA DA PELVICA... Eis a minha dúvida: já estou na casa dos 40 anos e quero engravidar. Estou um pouco assustada. Quais serão as minhas limitações? Agradeço a habitual atenção.

Anônimo disse...

Dr. Michel, boa tarde.
Meu nome é Lize, tenho 40 anos.
Descobri que tenho um mioma de 8,71 x7,07 ( ocupa todo corpo uterino),acho que é intramural...ainda levarei o resultado dos exames ao meu médico.
Qual o melhor tratamento p meu caso?Poderei engravidar após o mesmo? Qual o tempo de recuperação após a miomectomia???
Estou muito ansiosa....

Nanci Castro disse...

Dr. Michel, boa noite! Meu nome é Nanci. Tenho 46 anos e após fazer um ultrassonografia transvaginal de rotina tive a desagradável surpresa com a detecção de um mioma intramural. Para um melhor entendimento envio os dados do exame: Útero AVF, centrado, medindo 9,0 x 5,4 x 4,7cm. Volume 120cm3 (normal=25,0 a 90,0cm3).
A forma é típica, superfície lisa e miométrio heterogêneo, com mioma intramural posterior medindo 36x31mm.
O endométrio encontra-se com espessura e conteúdo normais medindo 7,4mm. Que tipo de tratamento e mais indicado para esse caso? Me ajude, pois estou desesperada, visto que tive um aborto, mas pretendo engravidar de novo. Agradeço a sua prestimosa atenção. Um abraço!

Anônimo disse...

Ola, Dr Michel. Tenho 33 anos e fiz em agosto uma curetagem pq com 8 semanas meu feto parou de desenvolver. Tenho dois miomas intramurais com medidas 3,4 x 4,2 (antero lateral direita) e 3,7 x 3,1 (postero lateral direita).A minha duvida eh fazer ou nao a miomectomia pois meu medico de SP q me acompanhava desde q descobri miomas jamais quis me operar, sempre me incentivou a engravidar. Mas como nao moro mais em SP e pela distancia optei por outro medico....mas este insiste em me operar e culpa o mioma pelo aborto retido. Sei que muitas mulheres passam por um aborto mesmo nao possuindo o mioma..entaum pq culpa-lo ou nao culpa-lo por este incidente? estou muito em duvida devido as linhas de pensamento serem muito distintas....Esta foi a minnha primeira tentativa de engravidar e logo q parei de tomar a pilula, dois meses dpois consegui engravidar...Ser infertil ja descobri q nao sou....o q resta saber se vou conseguir levar a gravidez adiante ou nao...tirando ou nao estes miomas.....obrigada e fico no aguardo :) Carolina

Anônimo disse...

olá Dr, sou Tainá tenho 22 anos, fiz uma miomectomia vai fazer dois meses. Não tive mais emorragia e estou muito feliz, so que ja fazem dias que esta saindo um sangue marron escuro e eu ja mestruei apos ter tido relação. gostaria de saber se esse sangue escuro é normal, e se o normal era voltar o ciclo mestrual como antes do mioma?

Silvana disse...

Dr. Michel boa noite, fiz um US transvaginal onde aparece que tenho um mioma de 1,2 cm intramural e tenho também varizes pélvicas. Tenho 40 anos e ainda não tenho filhos, apenas no final desse ano que começarei a tentar engravidar.
Por favor me informe sobre esse mioma, se tem um medicamento que posso tomar para inibir o crescimento, se ele poderá dificultar a gravidez e qual as consequências de se ter varizes pélvicas? O que eu devo fazer agora?
Aguardo retorno.

Obrigada, Silvana

Eli sangalo disse...

Dr. eu vou fazer uma cirurgia de retirada de mioma, mas a dra me disse que por ser grande, poso perder meu útero.Quero muito ser mãe! O que eu faço? Moro em Salvador e farei a cirurgia no Hospital Santo Antonio(Irmã Dulce). Me ajude! Vou perder mesmo meu útero?

Anônimo disse...

Boa tarde!
Me chamo Marina, eu fiz um exame a pouco tempo de ultrassonografia e estou com uma duvida, pois o medico não me explicou direito sobre o que seria "Corte transversal dois ecos endometriais separados por miométrio"
será que vou ter dificuldades para engravidar?
Obrigado

Anônimo disse...

Boa tarde Dr. gostaria muito da sua atenção no meu caso, tenho 28 anos e quero muito engravidar, recentemente descobri q tenho 6 miomas, 4 intramurais, 02 anteriores medindo 3,3 cm x 2,7 e 2,6 cm x 2,8 e , 02 posteriores medindo 2,0 cm x 1,8 cm e 1,8 cm x 1,7.
01-submucoso medindo 0,7 cm .
01 - subserosos medindo 1,0 cm. volume do últero: 8,3x5,0x4,4 (volume de 94,9 cm³). Tenho chances de engravidar? por favor me ajude.

Anônimo disse...

estou com um mioma medindo 0,5cm desviado a esquerda medidas 58*36*49mm volume 53cc so queestou sentindo miutas dores e sangrando constatimente sera que e muito grave doutro mim ajudar por favor

Wica disse...

Bom dia!
Gostaria da sua atenção no meu caso, sou Áfricana, Guineense-Guiné Bissu, morrei 6 anos no Brasil, a um ano voltei para o meu país. Há dois meses descobrir que tenho mioma, tenho 29 anos, não tenho filho ainda, pretendo ter! o meu país não tem materiais sofistificados, unica solução aqui é fazer cirurgia (abdominal). Não sei explicar o tipo de mioma e o tamanho.Será que tenho chance de engravidar após miomectomia? Brigada...

elaine disse...

Boa,Noite!
meu nome e Elaine tenho 40 anos e fui submetida a uma histerectomia. gostaria de saber se é normal senti dor na bexiga ao urina e fisgada no local da cirugia apos dois mês

Anônimo disse...

Doutor fiz uma ultrassonografia que diz : avf centrado medindo 10,7x8,0 x6,7cm volume 298cm³. a forma e tipicasuperficie irregular e miometrio heterogeneo as custas miomatose uterina sendo os maiores em regiao fundica 4,3x4,2cm e em parede posterior 4,7x4,44cm . o endometrio normal medindo 8,5mm
od-2,6x1,6cm
oe- 2,8x1,6cm
desde ja agradeço Renata Fellon

Anônimo disse...

Boa noite Dr.

Sofri um aborto retido em maio 11, e foi necessario fazer uma curetagem. Fiz uma ultra agora, e me chamou a atenção contorno irregular.

Utero em avf, com volume normal, contorno irregular, textura heterogenea e ecogenicidade habitual.
medidas 66 mm(longitudinal)x 40 mmtranversal x 37 mm antero .posteriot. Presença de mioma intramural medindo 21 mm em parede posterior. colo uterino sem alterações apreciaveis. Ovario com forma e volume normais, apresentando textura e ecogenicidade habituais.

medidas ovario diretio 29x 15mm
ovario esquerdo 24x 17 mm
ausencia de liquido livre de saco posterior..

O sr poderia me dar uma clareza sobre esse resultado...muito obrigada.

Depoimento